sábado, 23 de novembro de 2013

A Pedra


O distraído tropeçou nela.
O violento projetou-a.
O empreendedor construiu com ela.
O homem do campo cansado, usou-a como assento.
As crianças brincaram com ela.
Drummond poetizou-a.
Davi usou-a para matar Golias.
Miguel Ângelo fez com ela as mais belas esculturas.

Em todos os exemplos a diferença não estava na pedra mas sim no tipo de homem!
Não existe pedra no teu caminho que não possas usar para teu próprio benefício.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos e ofensivos serão deletados.