segunda-feira, 11 de abril de 2011

Ofensa


Não conduzas o ultraje que alguém te atirou, desmoronando o teu dia.
Certamente, há pessoas que não simpatizam contigo e até te detestam. Mas, isto não é surpresa, porque te ocorre o mesmo em relação a outras.
Este é um problema que os corações pacificados resolvem com facilidade, nunca valorizando ofensas, nem se importando com elas.
Há um grande número de pessoas gradas e afetuosas que te cercam, que não é justo te agastares com aquelas, as que constituem exceção no teu caminho.
Deixa no chão do esquecimento a ofensa que te dirigem e segue na direção do amor que te aguarda.

(Divaldo Pereira & Joanna de Ângelis - Vida Feliz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos e ofensivos serão deletados.